150 Million Euro Fine On Google, 60 On Facebook In France Over ‘Cookies’


150 milhões de euros de multa no Google, 60 no Facebook na França por causa de 'cookies'

A França atingiu o Google e o Facebook com uma multa total de 210 milhões de euros.

Paris:

Os reguladores franceses atingiram o Google e o Facebook em 210 milhões de euros (US $ 237 milhões) em multas pelo uso de “cookies”, dados usados ​​para rastrear usuários online, disseram as autoridades na quinta-feira.

A multa de 150 milhões de euros imposta ao Google foi um recorde da Comissão Nacional da França para Tecnologia da Informação e Liberdade (CNIL), superando uma multa anterior relacionada a cookies de 100 milhões de euros contra a empresa em dezembro de 2020.

O Facebook foi multado em 60 milhões de euros.

“A CNIL determinou que os sites facebook.com, google.fr e youtube.com não permitem que os usuários recusem o uso de cookies simplesmente como aceitá-los”, disse o órgão regulador.

As duas plataformas têm três meses para adaptar suas práticas, após o que a França vai impor multas de 100 mil euros por dia, acrescentou a CNIL.

O Google disse à AFP que mudaria suas práticas após a decisão.

“De acordo com as expectativas dos usuários da Internet … estamos comprometidos em implementar novas mudanças, bem como em trabalhar ativamente com a CNIL em resposta à sua decisão”, disse a empresa americana em um comunicado.

Cookies são pequenos pacotes de dados que são configurados no computador de um usuário quando ele visita um site, permitindo que os navegadores da web salvem informações sobre sua sessão.

Eles são altamente valiosos para o Google e o Facebook como formas de personalizar a publicidade – sua principal fonte de receita.

Mas os defensores da privacidade há muito recuaram e uma lei da União Europeia aprovada em 2018 impôs regras estritas às empresas de internet, obrigando-as a buscar o consentimento direto dos usuários antes de instalar cookies em seus computadores.

(Esta história não foi editada pela equipe NDTV e é gerada automaticamente a partir de um feed sindicado.)



Source link

Leave a Comment