Brazil’s Jair Bolsonaro, Who’s In Hospital, Doesn’t Need Surgery, Say Doctors


Bolsonaro, do Brasil, que está no hospital, não precisa de cirurgia, dizem os médicos

Brasil: Os médicos do presidente Bolsonaro o diagnosticaram com intestino parcialmente bloqueado. (Arquivo)

Sao Paulo:

O presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, não precisará de cirurgia, disseram seus médicos na terça-feira, um dia depois de o líder da extrema direita ter sido levado às pressas ao hospital com o intestino parcialmente bloqueado.

“A suboclusão intestinal do presidente Jair Messias Bolsonaro foi eliminada, sem necessidade de cirurgia”, disse o hospital Vila Nova Star, em São Paulo, em nota.

“O paciente está apresentando evolução satisfatória tanto nas avaliações clínicas quanto nos exames laboratoriais, e vai começar hoje uma dieta líquida”.

Não há data definida para seu lançamento, acrescentou.

Bolsonaro, de 66 anos, desenvolveu dor abdominal durante as férias de ano-novo em uma praia no sul do estado de Santa Catarina e foi levado às pressas para o hospital na manhã de segunda-feira no jato presidencial.

É o mais recente de uma série de problemas de saúde desde que ele foi esfaqueado no abdômen durante a campanha eleitoral de 2018 que o levou ao poder.

Os médicos diagnosticaram um intestino parcialmente bloqueado e disseram que ele poderia precisar de uma cirurgia, nove meses antes das eleições de outubro no Brasil.

No entanto, o cirurgião-chefe Antonio Luiz Macedo, que já operou o Bolsonaro no passado, decidiu que a cirurgia não era necessária.

Bolsonaro passou por pelo menos quatro cirurgias decorrentes do ataque de faca que quase o matou, perpetrado por um homem que alegou estar seguindo as ordens de Deus e que mais tarde foi considerado mentalmente incapaz de ser julgado.

O presidente tuitou uma foto sua mostrando o polegar para cima em sua cama de hospital na segunda-feira, seu rosto equipado com uma sonda nasogástrica – um dispositivo que leva alimentos e remédios ao estômago através do nariz.

O índice de aprovação de Bolsonaro está no nível mais baixo de todos os tempos enquanto ele se prepara para buscar a reeleição, com o Brasil preso em recessão e sofrendo com um dos piores surtos de Covid-19 do mundo.

Atualmente, ele está muito atrás de seu provável principal adversário, o ex-presidente de esquerda Luiz Inácio Lula da Silva (2003-2010), que pesquisas recentes indicam que pode vencer as eleições no primeiro turno.

(Exceto pelo título, esta história não foi editada pela equipe NDTV e é publicada a partir de um feed sindicado.)



Source link

Leave a Comment