Iran Minister Says Nuclear Talks On “Right Track”; On Deadline Says…


Ministro do Irã diz que negociações nucleares estão no 'caminho certo';  No prazo diz...

Irã Nuclear Talks: As negociações para restaurar o acordo nuclear foram retomadas no final de novembro.

Teerã:

As negociações entre Teerã e potências mundiais para reviver um acordo nuclear de 2015 estão se aproximando de um “bom acordo”, mas chegar a um em breve depende das outras partes, disse o ministro das Relações Exteriores do Irã neste domingo.

“As iniciativas do lado iraniano e as negociações que ocorreram nos colocaram no caminho certo”, disse Hossein Amir-Abdollahian.

“Estamos perto de um bom acordo, mas para chegar a esse bom acordo no curto prazo, ele deve ser perseguido pelo outro lado”, disse ele à agência de notícias estatal Irna.

As negociações para restaurar o acordo nuclear foram retomadas no final de novembro, depois de terem sido suspensas em junho, quando o Irã elegeu um novo governo ultraconservador.

O acordo ofereceu alívio das sanções ao Irã em troca de restrições em seu programa nuclear.

Mas o então presidente Donald Trump retirou os EUA em 2018 e descarrilou o acordo, levando Teerã a começar a voltar atrás em seus compromissos.

Amir-Abdollahian disse que a república islâmica não quer “arrastar” as negociações.

É “importante para nós defendermos os direitos e interesses do nosso país”, disse.

Ao contrário das outras partes do acordo – Grã-Bretanha, França, Alemanha, Rússia, China – os EUA só se envolveram nas negociações indiretamente.

No início desta semana, Teerã disse ter detectado um novo “realismo” por parte das potências mundiais antes de novas negociações em Viena.

Amir-Abdollahian pareceu ecoar esses comentários no domingo, dizendo que “ontem, a França desempenhou o papel de um policial ruim, mas hoje está se comportando razoavelmente”.

“Ontem, o lado americano tinha exigências inaceitáveis, mas hoje acreditamos que se adaptou às realidades” da situação, acrescentou.

“No final das contas, um bom negócio é um acordo que satisfaça todas as partes.”

As partes do acordo de 2015 o viram como a melhor maneira de impedir a república islâmica de construir uma bomba nuclear – um objetivo que Teerã sempre negou.

O ministro das Relações Exteriores da França, Jean-Yves Le Drian, disse na sexta-feira que as negociações estão progredindo em um “caminho bastante positivo”, mas enfatizou a urgência de levá-las a uma conclusão rápida.

(Esta história não foi editada pela equipe da NDTV e é gerada automaticamente a partir de um feed distribuído.)



Source link

Leave a Comment