Prominent Taliban Critic Professor Faizullah Jalal Released After Arrest, Says Daughter


Proeminente crítico do Taleban é solto após prisão, diz filha

Afeganistão: O professor Faizullah Jalal foi detido em Cabul no sábado. (Arquivo)

Aceitação:

Um proeminente professor universitário afegão preso pelas autoridades do Taleban depois de criticá-los na televisão foi libertado na terça-feira, disse sua filha.

O professor Faizullah Jalal foi detido em Cabul no sábado e levado para um local desconhecido pelas forças do Taleban, que voltaram ao poder em agosto.

Desde a tomada do poder, os islamistas radicais reprimiram a dissidência, dispersando com força os protestos pelos direitos das mulheres e detendo brevemente vários jornalistas afegãos.

“Depois de mais de quatro dias de detenção por acusações infundadas, confirmo que o professor Jalal está finalmente liberado”, tuitou sua filha Hasina Jalal, bolsista da Universidade de Georgetown, em Washington, depois de lançar uma campanha nas redes sociais pedindo sua libertação.

O porta-voz do governo Zabihullah Mujahid tuitou que Jalal fez declarações nas redes sociais nas quais ele estava “tentando instigar as pessoas contra o sistema”.

“Ele foi preso para que outros não façam comentários semelhantes sem sentido… que prejudiquem a dignidade dos outros”, acrescentou.

A família de Jalal disse que os tweets compartilhados por Mujahid eram de uma conta falsa no Twitter que eles tentaram fechar.

“O Talibã está apenas usando essas postagens como desculpa para silenciar uma voz forte dentro do país”, disse Hasina à agência de notícias AFP após a prisão.

Clipes de aparições na televisão de Jalal atacando o regime vigoroso do Talibã e a piora da situação econômica já haviam se tornado virais nas mídias sociais, provocando preocupação de que ele corresse o risco de retribuição do Talibã.

Em um talk show ao vivo, ele chamou o porta-voz do Taleban Mohammad Naeem – que também estava participando – de “bezerro”, um grave insulto no Afeganistão.

Jalal, com quase 50 anos, recusou ofertas para deixar o país depois que o Talibã tomou o poder, vivendo principalmente escondido em Cabul enquanto sua família fugia para a Europa, disse sua filha.

Professor de longa data de direito e ciência política na Universidade de Cabul, Jalal ganhou a reputação de crítico dos líderes do Afeganistão nas últimas décadas.

(Exceto pela manchete, esta história não foi editada pela equipe da NDTV e é publicada a partir de um feed sindicado.)



Source link

Leave a Comment