US Condemns North Korea Launch, Calls For Dialogue


EUA condena lançamento da Coreia do Norte, apela para diálogo

O governo do presidente Joe Biden disse repetidamente que está aberto a negociações com a Coréia do Norte

Washington:

Os Estados Unidos condenaram na quarta-feira o lançamento de um suposto míssil balístico pela Coreia do Norte e instaram Pyongyang a se sentar para conversar.

“Este lançamento viola várias resoluções do Conselho de Segurança da ONU e representa uma ameaça aos vizinhos da RPDC e à comunidade internacional”, disse um porta-voz do Departamento de Estado, referindo-se ao Norte pelo nome oficial, República Popular Democrática da Coréia.

“Continuamos comprometidos com uma abordagem diplomática para a RPDC e convide-os a dialogar,” ele disse.

O porta-voz também disse que o compromisso dos EUA de defender a Coreia do Sul e o Japão, dois aliados vinculados ao tratado, era “blindado”.

O secretário de Estado dos EUA, Antony Blinken, e o secretário de Defesa, Lloyd Austin, já devem se reunir virtualmente na quinta-feira para conversas regulares sobre segurança com seus colegas japoneses.

Eles serão acompanhados pelo novo embaixador dos EUA em Tóquio, Rahm Emanuel, o ex-prefeito de Chicago que foi confirmado pelo Senado apesar da oposição.

O governo do presidente Joe Biden disse repetidamente que está aberto a negociações com a Coréia do Norte, que buscou uma série de lançamentos de projéteis de baixa intensidade.

O líder da Coreia do Norte, Kim Jong Un, manteve três reuniões de alto nível com o antecessor de Biden, Donald Trump, mas a diplomacia pessoal incomum não trouxe nenhum acordo duradouro.

Os militares sul-coreanos disseram que o Norte disparou o que “presume-se ser um míssil balístico” contra o mar a leste da península da província de Jagang, que faz fronteira com a China.

(Exceto pelo título, esta história não foi editada pela equipe NDTV e é publicada a partir de um feed sindicado.)



Source link

Leave a Comment